Cancelamento - Vamos falar sobre isso?

Dra. Pamela Magalhães, Psicóloga

Publicado em 10/02/2021 - Atualizado em 25/09/2021



O que cancelamos na nossa vida? Um encontro, um horário na manicure, uma sessão de terapia, uma viagem, quem sabe uma reunião, mas cancelar pessoas, isso para mim soa com estranheza.

A cultura do cancelamento é um comportamento que se tornou frequente no universo virtual, mais especificamente, nas redes sociais, que consiste em ignorar e desconsiderar completamente o que uma determinada pessoa produz, entendendo como inaceitável algo que ela tenha feito e que pelo juri virtual tenha sido considerado um erro, algo desprezível.

O julgamento popular e seus linchamentos existem há muito tempo, a diferença é que atualmente, através das redes, pessoas anônimas e públicas podem de uma hora para outra terem suas vidas viradas de ponta cabeça e serem seriamente atacadas, hostilizadas e humilhadas, por uma frase mal colocada, uma fala infeliz, um ato impensado ou até mesmo, uma opinião contraditória e/ou polêmica para a maioria. 

O fato é que somos humanos e todos nós erramos, ninguém passa por esse mundo, sem pisar na bola e cometer seus deslizes, mas a comunicação atual, tolerância, meio e rapidez com que as informações transitam, contribuem para que inúmeras pessoas se manifestem em um discurso afinado, muitas vezes, apoiado em causas nobres, contra uma pessoa. 

Note, milhares de pessoas, apontando e deferindo suas opiniões, muitas vezes, agredindo e acusando uma única pessoa, para que ela seja excluída, saia fora, perca a voz, seja cancelada. 

Não se trata dela estar certa e todos errados ou dela merecer ou não essa situação. Mas, se existem meios legais para denuncias e processos que definirão a pena de alguém com suas consequências, porque tamanha ênfase na punição, fazendo justiça com as próprias mãos?.

Fico pensando, o quanto esse comportamento em massa agrega para nosso povo... Será mesmo que a cultura do cancelamento é benéfica para alguém? Ou estimula mais e mais discórdia, ódio, angústia e  violência? Disso já estamos saturados.

Se podemos nos unir para apontar erros e inadequações de alguém, sinal de que podemos também nos unir para causas mais promissoras, construtivas, educativas e transformadoras. 

A cultura do cancelamento tem sérias consequências para quem for a mira da vez. O ataque pode ser intenso de tal forma, que a pessoa corre o risco de perder desde o emprego à vontade de viver. 

Alguns conseguem se pronunciar, tentam se retratar, outros são ainda mais massacrados. Tem quem negue, toque a vida e vá suportando retaliações. 

Para uns o tempo ajuda, para outros, o tempo parece não passar e suas supostas falhas escancaradas, se tornam parte da sua identidade.

Há quem fique marcado para todo sempre e nunca mais deixe de ter seu erro apontado na cara, tem quem procure se isolar, existem casos de pessoas que  desenvolveram graves transtornos emocionais e outras doenças físicas, precisando mudar de residência ou até de país, carregando esse trauma eternamente. 

Deixe um comentário

Comentários:

COPYRIGHT

© BrazilHealth

LINKS IMPORTANTES

Home

Heads

Vídeos e Artigos

Médicos e Outros Profissionais

Parceiros

Contato