logo
BrazilHealth
Fazer login
Home  >  Videos e artigos  >  Você tem dores na sola do pé?
Você tem dores na sola do pé?

Dr. Donaldo Jorge Filho, Fisiatria
Publicado em 27/07/2017 - Atualizado em 22/09/2018



A podobarometria computadorizada é um exame que coleta medidas de pressão e a oscilação do centro de gravidade do corpo, alternadamente, sempre que o indívíduo examinado toca o piso com os pés. Seus resultados permitem a prescrição de palmilhas mais eficazes, para pacientes com pés neuropáticos, pés reumatóides, hemofilia ou dores nos pés em geral. Quando realizado em Esteira Rolante, é uma ótima opção para dar mais equilíbrio para praticantes de esportes que exijam corridas, freadas bruscas, retornos e saltos frequentes, como no Tênis, no Voleibol, no Basquete e, principalmente, no futebol. As palmilhas redistribuem e aliviam as pressões, durante a marcha, nas plantas dos pés em risco. Este caso mostra uma mulher de 52 anos, que relatou dor intensa na região plantar da frente do pé, que foi diagnosticada como Neuroma de Morton, sabidamente um processo bastante doloroso dos nervos quando pressionados. A dor era classificada pela paciente como de grande intensidade, obrigando-a a caminhar com auxílio de muletas. Ela já estava com a cirurgia marcada para a remoção do neuroma. A palpação muscular revelou pontos dolorosos muito sensíveis nos músculos da perna direita que quando comprimidos davam à paciente a mesma sensação de quando ela pisava no chão ao caminhar. Esses pontos altamente sensíveis, que fazem com que o paciente sinta dores intensas à distância, são conhecidos como Pontos Gatilho Ativos.

Examinada, a seguir, pela Podobarometria Computadorizada, foram prescritos tanto um par de palmilhas quanto uma sessão de Terapia de Ondas de Choque Extracorpóreas. Esse tratamento contribui para dessensibilizar os Pontos Gatilho dos músculos. Esse alívio pode ser feito também com estimulações desses pontos por meio de agulhas de acupuntura (“agulhamentos secos”). Ambos os tratamentos causam um dolorimento quando atingem os pontos gatilho, mas essa dor passa rápidamente e reduz consideravelmente as dores por eles estimuladas, muitas vezes fazendo com que as dores, no caso afetando as regiões plantares, desapareçam com uma só aplicação.

Materiais e Métodos terapêuticos utilizados

Primeiro, a paciente foi examinada fisicamente e as pressões plantares foram avaliadas pela Podobarometria Computadorizada (PC) (Fig. 1). Com base no resultado desse teste, um par de palmilhas foi prescrito com intenção de aliviar a dor e melhorar o contato da planta do pé com o chão. A Figura 1 mostra que a paciente se defendia das dores, sobrecarregando a borda lateral da planta do pé direito e pisando apenas da metade do pé para trás. Após duas semanas usando as palmilhas, um novo exame foi realizado. O resultado mostrou melhora no contato da região plantar do pé direito com o chão, mas ainda relatou dor no antepé (7 pontos em 10 possíveis). Com nova palpação muscular, vários pontos gatilho miofasciais ativos foram encontrados nos músculos das pernas da paciente. Esses pontos foram submetidos a uma nova dessensibilização por Terapia de Ondas de Choque Extracorpórea Radiais (Fig. 3). Para resolver de vez as dores plantares no pé direito foram feitas mais duas aplicações, uma por semana, e no final a paciente submeteu-se a nova Podobarometria Computadorizada.

                             

Resultados

Usando as palmilhas prescritas conforme o resultado obtido no exame de podobarometria computadorizada, e após três sessões de Terapia por Ondas de Choque Extracorpóreas, a paciente classificou a dor como 0, em 10 pontos possíveis, ou seja, não acusava mais dores ao caminhar naturalmente. Após poucas sessões de exercícios terapêuticos, o último exame de podobarometria computadorizada revelou que o pé direito estava pisando o chão com toda a superfície plantar (Fig. 4).

Conclusão

A associação do exame físico com a Podobarometria Computadorizada, buscando e tratando os pontos gatilho desencadeantes, permitiu que com ações como o uso de palmilhas científicamente indicadas e dessensibilização desses pontos gatilho nos músculos da perna da paciente, suas dores cessassem por completo e ela conseguisse recuperar completamente o padrão de marcha, caminhando sem dores e sem auxílio de muletas, evitando uma cirurgia de Neuroma de Morton que, felizmente, se mostrou desnecessária.

Nos casos em que os pacientes sintam muitas dores nos pés ao pisar, seja por fasceíte plantar, neuroma ou outro diagnóstico, procurem um Médico Fisiatra para buscar e dessensibilizar eventuais Pontos Gatilho e, só então, façam o exame de podobarometria para a prescrição de palmilhas corretivas, confeccionadas a partir de moldes feitos de acordo com os resultados do exame. 

 

 

Deixe um comentário
Foto
Comentários
BrazilHealth
Mais Lidos
Corte no dedo: O que fazer? - Prof. Dr. Alvaro Cho
O corte no dedo é um dos principais acidentes domésticos do dia-a-dia. Os cortes ocorrem nas mais va...

Diferença entre limpar e umidificar o nariz. - Dr. Paulo Mendes Jr
Você sabe a diferença entre limpar, umidificar e aliviar o nariz? Especialista explica qual o melhor...

O que é Medicina Integrativa? - Editorial
Na contramão da medicina tradicional e ortodoxa, terapias alternativas estão ganhando cada vez mais ...

O PSA após a cirurgia ou a Radioterapia - Dr. Fernando Maluf
Você sabe qual é o valor do PSA que indica a volta do tumor após a cirurgia? Será que o PSA associad...


Relacionados
Exagerou no Carnaval? Detox: Dicas e Receitas - Redação
Após o consumo exagerado de comidas e bebidas, nosso corpo pede uma boa limpeza Veja nossas dicas e ...

Ataque Cardíaco ou Parada Cardíaca: O QUE FAZER? - Dra. Denise Hachul
Reconhecer os sintomas e seguir para um hospital imediatamente pode ser a diferença entre a sobreviv...

Quando sua Tireoide vai Mal - Dr. Filippo Pedrinola
A fadiga faz com que você se arraste no dia a dia?

Preocupações com a saúde sexual - Editorial
Os problemas sexuais são muito comuns, mas muitas vezes somos influenciados por uma imagem exagerada...

BrazilHealth