logo
BrazilHealth
Fazer login
Home  >  Videos e artigos  >  Corte no dedo: O que fazer?
Corte no dedo: O que fazer?

Prof. Dr. Alvaro Cho, Cirurgia da Mão
Publicado em 19/07/2017 - Atualizado em 20/06/2018



Os ferimentos corto-contusos (FCC) nos dedos são um dos principais acidentes domésticos do dia-a-dia. Os cortes ocorrem nas mais variadas situações envolvendo facas, copos e louças quebradas.

Essas feridas costumam sangrar muito no momento do acidente, pois as mãos e os dedos são regiões muito vascularizadas. O recomendável, logo após o acidente, é lavar a ferida com água corrente e estancar o sangramento com um pano limpo pressionando a ferida. Deve-se evitar compressão circular excessiva devido ao risco de comprometer a circulação do dedo. Após essas medidas iniciais, o ideal é que o paciente procure um pronto-socorro de ortopedia para uma avaliação mais detalhada.

 

Todo corte é igual? É grave?

Nem todos os cortes são iguais. Depende muito da profundidade do corte e da localização.

O FCC ou corte pode comprometer somente a pele e o subcutâneo e nesta situação de menor gravidade, a limpeza cirúrgica sob anestesia local e a sutura de pele resolvem o problema.

Quando há perda de movimento do dedo após o corte, deve-se suspeitar de uma lesão tendínea. Se houver perda da capacidade de flexionar ou “dobrar"o dedo, o tendão flexor foi comprometido e o corte se localiza na face palmar do dedo.

Se houver perda da capacidade de extender ou “esticar"o dedo, o tendão extensor foi comprometido e o corte se localiza na face dorsal do dedo.

Um outro aspecto de fundamental importância é a avaliação da sensibilidade do dedo. Os nervos digitais dos dedos são frequentemente acometidos nos cortes de dedos e o sintoma típico é dormência numa das bordas dos dedos, associado a sensação de choques na região do corte. Cada dedo é suprido por 2 nervos digitais que são responsáveis pela sensibilidade das bordas radial e ulnar do dedo. Se o nervo digital radial for lesado, a borda radial do dedo ficará dormente. Se o nervo digital ulnar for lesado, a borda ulnar do dedo ficará dormente. Em cortes mais extensos, os 2 nervos podem ser lesados em conjunto com os tendões flexores.

Em suma, a gravidade do corte depende mais da profundidade e da localização do que o tamanho do corte em si. Cortes extensos de 2 a 3 cm podem ser superficiais e não comprometer nenhuma estrutura considerada mais nobre, enquanto que cortes puntiformes e profundos podem comprometer tendões e nervos importantes.

O que fazer em casos de lesão de tendão ou nervo? É urgente?

Na vigência de uma lesão de tendão ou nervo, o paciente deve ser encaminhado com urgência a um cirurgião de mão para avaliação e tratamento adequado das lesões. Se houver uma boa infra-estrutura hospitalar  no pronto-socorro e equipe de retaguarda disponível de cirurgia da mão, o paciente pode ser operado na urgência. Caso contrário, o melhor é lavar, suturar a ferida e imobilizar. O paciente deverá ser encaminhado dentro de 1 semana para agendamento da cirurgia definitiva: tenorrafia e microneurorrafia.

Um atraso demasiadamente prolongado (maior que 3 a 4 semanas) na avaliação e na cirurgia, pode comprometer o resultado final da movimentação e sensibilidade do dedo.

Um tendão flexor lesado tende a encurtar e entrar em contratura miostática. Além disso, o sistema de túneis ou polias pode estreitar e impedir a passagem do coto de tendão inchado.

Um nervo digital lesado também retraí e as bordas dos cotos lesados degeneram, criando um defeito de nervo muito grande para ser reparado de maneira direta. Nessa situação, a neurorrafia direta fica inviabilizada e um enxerto de nervo deve ser interposto para possibilitar a reparação do nervo. A utilização de um enxerto de nervo de interposição significa uma incisão cirúrgica a mais no paciente, além de provocar uma área de dormência numa outra parte do corpo onde a sensibilidade é menos importante que a sensibilidade do dedo lesado. Funcionaria como uma troca vantajosa para o paciente. Por esta razão, é preferível o reparo direto do nervo lesado sempre que possível.

Como é o pós-operatório? Precisa ficar imobilizado?

No período pós-operatório, o paciente permanece com a mão e os dedos imobilizados por uma tala ou órtese, por um período que varia de 2 a 6 semanas de acordo com a gravidade da lesão e as estruturas acometidas. Também é fundamental o início precoce da terapia ocupacional para reabilitação adequada do dedo comprometido.

Deixe um comentário
Foto
Comentários
  1. Oi boa noite cortei meu dedo com uma faca no trabalho no outro dia esse dedo já estava avermelhado e inchado fui ao medico bati raio x e ele disse que não afetou nada agr já se passaram dez dia de antibiótico e o dedo só continua pior a infecção já esta tomando minha mao oq faço

  2. Boa noite tive um corte no polegar esquredo levei 4 pontos mas dois dia depois notei uma dormência no dedo. Após 9 dias tirei os pontos e continuou ,então marquei um ortopedista. Sendo q continua com a dormência e com choques e dor fui na emergência ortopédica então ele disse q precisa operar. Gostaria de saber como seria essa cirúrgica e o tempo de recuperação. Obgada

  3. Sofri uma lesão do meu tendão do pé, foi feita a cirurgia no mesmo dia, mas se passaram alguns meses e eu ainda não sinto o meu dedo, nem a pele por cima. Posso voltar a sentir novamente ?

  4. Hello there Artigos Discover The Secret 3-Step Amazon Formula Start Earning Affiliate Commissions On Demand! Start Seeing Regular Big Commission Checks! Watch this video: http://bit.ly/Shop_ABot

BrazilHealth
Mais Lidos
Diferença entre limpar e umidificar o nariz. - Dr. Paulo Mendes Jr
Você sabe a diferença entre limpar, umidificar e aliviar o nariz? Especialista explica qual o melhor...

Marcapasso Cardíaco - Dra. Denise Hachul
Os marcapassos ajudam as pessoas que possuem ritmo cardíaco lento ou irregular a levarem vidas norma...

O que é Medicina Integrativa? - Editorial
Na contramão da medicina tradicional e ortodoxa, terapias alternativas estão ganhando cada vez mais ...

O PSA após a cirurgia ou a Radioterapia - Dr. Fernando Maluf
Você sabe qual é o valor do PSA que indica a volta do tumor após a cirurgia? Será que o PSA associad...


Relacionados
Curiosidades e cuidados com a Língua - Dra. Daniela Teixeira
Você sabia que a língua é o músculo mais flexível do corpo humano e mede cerca de 10cm? Veja essas e...

Os alimentos aliados e inimigos da saúde dos ossos - Dra. Dai Cavalcanti
Muitas pessoas acreditam que para uma boa saúde óssea basta consumir alimentos ricos em cálcio, mas ...

Microrganismos Multirresistentes - Profa. Dra Sylvia Lemos Hinrichsen
Cada vez mais as bactérias, vírus, parasitas, fungos se tornam multirresistentes aos antibióticos, a...

10 dicas para um cabelo lindo na praia e piscina - Redação
O contato com o sal do mar e com o cloro da piscina requerem uma proteção especial. Veja algumas dic...

BrazilHealth