logo
BrazilHealth
Fazer login
Home  >  Videos e artigos  >  Cuidados que Diabéticos devem ter com COVID-19
Cuidados que Diabéticos devem ter com COVID-19

Harvard Medical School, Harvard Health Publishing
Publicado em 01/05/2020 - Atualizado em 05/08/2020



Dados preliminares da China sugerem que pessoas com diabetes e outras condições preexistentes têm mais probabilidade de sofrer complicações graves e morte por COVID-19 do que pessoas sem diabetes e outras condições.

Os estudos sobre o COVID-19 apesar de intensos, ainda são muito recentes, e os pesquisadores buscam entender como a doença afeta a imunidade. Sabemos que, se uma pessoa tem diabetes e contrai uma gripe ou outra infecção, ela pode apresentar piores resultados para a saúde. A questão é o porquê.

Açúcares elevados no sangue podem interferir na capacidade dos glóbulos brancos de combater infecções. Portanto, existe a possibilidade de pessoas com alto nível de açúcar no sangue terem um sistema imunológico reprimido, deixando-as mais suscetíveis a complicações pulmonares. Ainda não existem dados suficientes para saber se existe um vínculo entre o controle de açúcar no sangue e os resultados do COVID-19.

Cuidados e precauções são a melhor proteção:

Felizmente, podemos ajudar a proteger as pessoas com diabetes com as informações e estudos publicados. Assim, se você tem diabetes tipo 1 ou tipo 2, leia com atenção os conselhos abaixo que ajudam a reduzir o risco de infecção:

  • Lave as mãos regularmente. Lave as mãos com freqüência. Você deve usar água e sabão e esfregar por pelo menos 20 segundos. Lave as mãos sempre que estiver preparando ou comendo alimentos, cuidando de uma criança ou pessoa doente, usando o banheiro ou saindo em público.

  • Use uma máscara de pano em público. Se você precisar sair de casa, por exemplo, para ir ao supermercado ou à farmácia, use uma máscara facial de pano.

  • Pratique o distanciamento social / físico. Fique a pelo menos um metro e meio de distância de outras pessoas e evite reunir-se em grandes grupos. Se possível, faça suas compras online. Se você ficar doente, fique em casa e se isole das outras pessoas, mesmo na sua casa.

  • Tenha suprimentos de seus medicamentos para diabetes. Estoque de suprimentos de insulina, suprimentos de teste de glicose, tiras de teste de cetona, comprimidos de glicose e prescrições atualizadas.

  • Continue tomando inibidores da ECA e BRAs conforme indicado. Se você tomar inibidores da ECA ou BRAs para pressão alta, doenças cardíacas ou diabetes, continue tomando-os, a menos que seu médico recomende o contrário. Houve um relatório controverso dizendo que esses medicamentos podem tornar as pessoas mais suscetíveis ao COVID-19, mas não há evidências de que isso seja verdade. De fato, a American Heart Association e outras grandes associações recomendam seu uso continuado.

  • Esteja preparado se você ficar doente. Mantenha um suprimento de medicamentos para redução da febre, como acetaminofeno (Tylenol) e xarope para tosse em sua casa.

 

Se você tem diabetes e contraiu o vírus COVID-19

É extremamente importante que as pessoas com diabetes entendam que a doença de COVID-19 pode aumentar seus níveis de pressão arterial e pressão alta pode levar à desidratação. Se você ficar doente, beba bastante líquido e verifique regularmente a pressão sanguínea. Pergunte ao seu médico instruções sobre como assistir sua pressão arterial e ajustar as alterações. Além disso, verifique seu açúcar no sangue com mais frequência (a cada seis horas) e entre em contato com seu médico se ele permanecer acima de 250 mg / dL. Se você tem diabetes tipo 1 e seu açúcar no sangue subir acima de 250, pode estar em risco de cetoacidose, que ocorre quando o corpo queima gordura para obter energia e cria altos níveis de ácidos no sangue, conhecidos como cetonas. Eventualmente, essas cetonas podem envenenar o corpo. Durante o surto de coronavírus, é especialmente importante manter os níveis de cetona baixos e evitar viagens ao pronto-socorro, quando possível. Como sabemos, a diabetes coloca você em risco de complicações com COVID-19, incluindo a necessidade de hospitalização e um ventilador. Portanto, faça o possível para evitar ficar doente e precisar de cuidados no hospital.

Priorize seu bem-estar emocional

Também é importante cuidar sua saúde mental, que pode ter um grande impacto nos níveis de diabetes e açúcar no sangue. Pessoas com diabetes têm duas a três vezes mais chances de ter depressão. Tome cuidado extra para fazer coisas que o deixem infeliz. Inspire profundamente e lentamente quando se sentir ansioso. Converse com os entes queridos regularmente. Use a tecnologia para ficar conectado a amigos e familiares; tente uma reunião on-line ou ligue para um amigo. Sua rotina foi interrompida, por isso também é importante continuar a dormir o suficiente, comer de forma saudável e se exercitar dentro de sua capacidade. E, acima de tudo, lembre-se de que esse momento vai passar. Cuide-se!

Fonte: https://www.health.harvard.edu/blog/what-you-need-to-know-about-covid-19-if-you-have-diabetes-2020041719558

 

Deixe um comentário
Foto

Repita os caracteres a seguir no campo de texto abaixo:
Comentários
  1. Gostaria de saber se um glicose de 152 é risco para covid19 ?

BrazilHealth
Mais Lidos
11 alimentos que reduzem o colesterol - Harvard Medical School
Recentemente cardiologistas brasileiros estabeleceram valores mais rígidos de colesterol ruim. Conhe...

Substituição da Válvula Mitral e Aórtica - Dr. Jose Armando Mangione
A cirurgia para a substituição da válvula aórtica é um procedimento que vem ganhando cada vez mais e...

O PSA após a cirurgia ou a Radioterapia - Dr. Fernando Maluf
Você sabe qual é o valor do PSA que indica a volta do tumor após a cirurgia? Será que o PSA associad...

Corte no dedo: O que fazer? - Prof. Dr. Alvaro Cho
O corte no dedo é um dos principais acidentes domésticos do dia-a-dia. Os cortes ocorrem nas mais va...


Relacionados
Covid-19 e o atendimento ao paciente com câncer - Prof. Dr. Marcelo Luiz Bendhack
Desde o início da pandemia aproximadamente 50 mil brasileiros deixaram de ser diagnosticados com cân...

Câncer de pele pode esperar o fim da Covid-19? - Dra. Ana Maria Fagundes Sortino
A dermatologista Dra. Ana Maria Sortino, explica o que se deve fazer se encontrar uma pinta, bolinha...

A Covid-19 pode provocar problemas de pele? - Dra. Cristina Martinez Zugaib Abdalla
Após catalogar várias lesões da pele em pacientes internados pela doença, foram descritos cinco tipo...

A vida tem que continuar - Dr. Marcelo Bendhack
Cuidar da saúde nunca foi tão importante. Pequenas coisas podem fazer grandes diferenças. Veja algum...

BrazilHealth