logo
BrazilHealth
Fazer login
Home  >  Videos e artigos  >  Hábitos para uma Dentição Saudável
Hábitos para uma Dentição Saudável

Dra. Daniela Teixeira, Odontologia
Publicado em 08/10/2020 - Atualizado em 24/10/2020



Os pais têm um papel fundamental na formação dos hábitos da criança. As rotinas que vão sendo incorporadas pela criança, e que se tornam parte sua vida, estão baseadas nas informações e atitudes dos pais. É muito frequente que os pais, repitam os mesmos erros que foram aprendidos baseados em um repertório equivocado que eles não questionam. Por isso, é muito importante buscar orientação de um  profissional que irá oferecer as informações com o objetivo de trazer os melhores benefícios para o desenvolvimento da criança do ponto de vista biopsicossocial. 

Os hábitos para uma dentição saudável do bebê iniciam com a sua mãe no período da gestação. São os cuidados pré-natais, com alimentação natural  e com a suplementação de vitaminas, como por exemplo ácido fólico, que pode reduzir o risco do desenvolvimento de lábio leporino no feto. Além disso, a própria condição bucal da mãe interfere na condição do bebê, pois problemas gengivais podem acarretar em partos prematuros e bebês com baixo peso.

O aleitamento materno é sempre a melhor opção não só do ponto de vista nutricional, pois aumenta a imunidade do bebê, que recebem os anticorpos da mãe, mas também porque fortalece corretamente os músculos da face e estimula a respiração nasal. Se for necessário realizar ou complementar o aleitamento, com o uso de mamadeira, nunca use açúcar, espessantes ou achocolatados. Este mal-uso é responsável por danos severos que são as chamadas cáries de mamadeira.

Na medida que novos itens forem incorporados à alimentação da criança, orientados pelo pediatra, fique atento à consistência dos alimentos que deverão exigir gradualmente mais da mastigação.

O paladar da criança é estimulado pelo adulto, por esse motivo disponibilize sempre a água como fonte de hidratação. Não sirva refrigerantes, sucos de caixinha ou alimentos açucarados. É melhor oferecer frutas ao invés do suco natural, porque estas são ricas em fibras além de proporcionar as vitaminas.

O condicionamento da higiene bucal pode ser realizado a partir do terceiro mês de vida. A mãe deve uma vez ao dia, depois de lavar bem as mãos, envolver o dedo indicador com uma gaze umedecida em soro estéril ou água fervida e, com movimentos bem suaves, limpar a parte anterior da gengiva, próximo aos lábios.

A rotina vai sendo incorporada pelo bebê como normal, evitando que no futuro a manipulação de sua boca cause desconforto, facilitando a higiene e o tratamento. O ideal é que o bebê vá ao dentista antes de aparecerem os primeiros dentinhos. Os pais receberão orientações e o bebê será avaliado.

Durante as visitas periódicas ao dentista, serão observados vários aspectos como por exemplo, posicionamento da língua, deglutição, mastigação, articulação e crescimento dos ossos da face. O dentista também irá orientar os pais sobre as técnicas de escovação e uso correto do fio dental, assim como a quantidade de creme dental. A visita ao consultório odontológico tem como objetivo primário avaliar a condição bucal da criança. Adicionalmente as consultas oferecem uma oportunidade importante para o treinamento da criança na escovação e na orientação dos seus cuidadores, que irão supervisionar o desempenho da criança, respeitando sempre sua   capacidade motora. Por isso, a prática da escovação deve ser supervisionada e complementada pelo adulto diariamente.

O  acompanhamento  profissional  do cirurgião-dentista é a forma mais eficaz para identificar precocemente necessidades e oferecer soluções relacionadas a saúde bucal da criança.

Portanto, hábitos saudáveis no dia a dia, com orientação profissional são as chaves de sucesso!

Em tempos de pandemia, onde os pais estão mais em casa e próximos dos filhos, é uma ótima oportunidade para rever conceitos e rotinas porque o tempo passa mas resultado das ações ficam. 

Deixe um comentário
Foto

Repita os caracteres a seguir no campo de texto abaixo:
Comentários
BrazilHealth
Mais Lidos
11 alimentos que reduzem o colesterol - Harvard Medical School
Recentemente cardiologistas brasileiros estabeleceram valores mais rígidos de colesterol ruim. Conhe...

Substituição da Válvula Mitral e Aórtica - Dr. Jose Armando Mangione
A cirurgia para a substituição da válvula aórtica é um procedimento que vem ganhando cada vez mais e...

O PSA após a cirurgia ou a Radioterapia - Dr. Fernando Maluf
Você sabe qual é o valor do PSA que indica a volta do tumor após a cirurgia? Será que o PSA associad...

Corte no dedo: O que fazer? - Prof. Dr. Alvaro Cho
O corte no dedo é um dos principais acidentes domésticos do dia-a-dia. Os cortes ocorrem nas mais va...


Relacionados
Os Perigos do Desafio Tik Tok - Dra. Caroline Malavasi
ATENÇÃO: Usuários do Tik Tok estão desgastando seus dentes com lixas de unhas, com o objetivo de dei...

Gengiva Inflamada? Saiba o que fazer! - Dr. Mauro Teixeira
Convidamos o Dr. Mauro Teixeira, pós-graduado em prótese pela International Dental Academy Tokyo par...

Obesidade Infantil - Dr. Marcio C. Mancini
As doenças não transmissíveis causadas por doenças cardiovasculares são todas, em parte, consequênci...

10 Dicas para cuidar da sua gengiva - Dr. Cláudio Pinho
Muito se fala sobre o cuidado com os dentes... Mas você sabe como cuidar da sua gengiva? Confira aqu...

BrazilHealth