logo
BrazilHealth
Fazer login
Home  >  Videos e artigos  >  As 4 doenças Cardiovasculares que mais matam
As 4 doenças Cardiovasculares que mais matam

Augusto Braga, Editorial
Publicado em 11/09/2017 - Atualizado em 27/01/2020



Segundo a Organização Mundial de Saúde, as doenças cardiovasculares são as principais causas de morte, mais de 17 milhões de pessoas por ano em todo mundo. 

Observa-se que parte das vítimas tinha comportamentos considerados não saudáveis, como o tabagismo, o consumo de alimentos com excesso de sal e o sedentarismo.

Fatores de Risco

Segundo a OMS, os fatores de risco comportamentais classificados como mais importantes pela OMS, no caso de doenças cardiovasculares, são: dietas não saudáveis, sedentarismo, tabagismo e consumo abusivo de álcool.

Existem fatores não comportamentais como a predisposição genética, que não pode ser alterado. Mas os maus hábitos definitivamente antecipam e agravam o aparecimento dos problemas.

 

As 4 doenças cardiovasculares que mais matam

1.      Infarto agudo do miocárdio

Conhecido popularmente como ataque cardíaco, o infarto agudo o miocárdio se caracteriza pela ausência ou pela diminuição da circulação sangüínea no coração, o que priva o músculo cardíaco (miocárdio), no local acometido, de oxigênio e de nutrientes, causando lesões importantes que podem levar até a morte de suas células, conforme o tempo de duração do evento. Com isso, o funcionamento do coração, que trabalha como uma bomba mecânica, pode ser seriamente afetado.

 2.      Doença vascular periférica

Decorre do depósito de gordura com obstrução das artérias periféricas do corpo. Nos membros inferiores, por exemplo, ocorre redução do fluxo de sangue para as pernas, com queixas de dor e de dificuldade para caminhar associadas à queda da temperatura local com dormência.

3.      Acidente vascular cerebral

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é conhecido popularmente como "derrame cerebral". O Acidente Vascular Cerebral Isquêmico (AVCI), o mais comum, é causado pela falta de sangue em determinada área do cérebro, decorrente da obstrução de uma artéria. O Acidente Vascular Cerebral Hemorrágico (AVCH) é causado por sangramento devido ao rompimento de um vaso sanguíneo.

Nos dois tipos de AVC uma vez que o sangue, contendo nutrientes e oxigênio, não chega a determinadas áreas do cérebro, ocorre a perda das funções dos neurônios, causando os sinais e sintomas que dependerão da região do cérebro envolvida. O AVC atinge pessoas de todas as idades, sendo raro na infância. Deve ser considerado como um ataque cerebral, pois é a causa mais frequente de morte e incapacidades na população adulta brasileira.

4.      Morte Súbita

Compreende o quadro de óbito de forma súbita, sendo causado, principalmente, pelo infarto agudo do miocárdio. Mas não se pode esquecer, especialmente os jovens, das doenças cardíacas congênitas, ou seja, aquelas adquiridas geneticamente e desenvolvidas com o passar dos anos.

Acompanhe o portal diariamente, pois ao longo de todo o mês de Setembro iremos abordar diferentes temas e dar importantes dicas para a saúde de seu coração!

Deixe um comentário
Foto

Repita os caracteres a seguir no campo de texto abaixo:
Comentários
  1. Tudo que estou sentindo.são dores pesada no peito.pontadas.mts falta de ar.não consigo caminhar rápido. Fraquezas nos brancos.dormência qdo estou dormindo de um lado da cabeça. Estou na fila esperando agendamento no incor. Com a carta do cardiologista. Estou cada dia piorando mais.

  2. Gostaria de receber mais informações

  3. sera que existe cura para o infarto agudo do miocardio

  4. Gostaria de saber, ontem eu estava com muita dor no tórax e no peito. Pé os exames enzimas deram alterados o que quer dizer tudo isso, estou preocupada.

  5. Gostaria muito de saber o que significa esta expressão Padrão diastolico pseudonormal do VE: disfunção diastolica grau II / IV

  6. Estou muito preocupada com minha saúde. Alguns anos venho sentindo um desconforto no peito, lado do coração, sinto fadiga, falta de ar. As vezes parece que meu coração esta magoado ,adormecido ou pesado. Uma sensação estranha.

  7. Bons comentarios

  8. Gostei muito dos esclarecimento e vai ser muito útil para minha pesquisa .

  9. Gostei dos esclarecimentos sobre as doenças cardiovasculares. A linguagem está escrita de forma clara e objetiva.

BrazilHealth
Mais Lidos
11 alimentos que reduzem o colesterol - Harvard Medical School
Recentemente cardiologistas brasileiros estabeleceram valores mais rígidos de colesterol ruim. Conhe...

Substituição da Válvula Mitral e Aórtica - Dr. Jose Armando Mangione
A cirurgia para a substituição da válvula aórtica é um procedimento que vem ganhando cada vez mais e...

O PSA após a cirurgia ou a Radioterapia - Dr. Fernando Maluf
Você sabe qual é o valor do PSA que indica a volta do tumor após a cirurgia? Será que o PSA associad...

Corte no dedo: O que fazer? - Prof. Dr. Alvaro Cho
O corte no dedo é um dos principais acidentes domésticos do dia-a-dia. Os cortes ocorrem nas mais va...


Relacionados
Quando sua Tireoide vai Mal - Dr. Filippo Pedrinola
A fadiga faz com que você se arraste no dia a dia?

Mitos e Verdades sobre a Febre Amarela - Ministério da Saúde
Desde o início dos casos de Febre Amarela, muitas informações foram passadas sobre a doença, mas é i...

12 Dicas para manter a saúde do seu coração - Dr. Otávio Celso Eluf Gebara
Essas dicas são simples e fáceis. Não perca mais tempo! Coloque-as em prática e mantenha a saúde do ...

Implantes são para todos casos de perda dentária? - Prof. Dr. Frédéric José Jean Cadier
Substituir dentes por implantes foi sem dúvida a forma de tratamento que teve mais impacto nas últim...

BrazilHealth